Homenagem a Clésio Andrade reúne transportadores em Brasília

jantar Clesio Andrade
Mais de 300 pessoas se reuniram, na noite dessa quarta-feira (25 de maio), para homenagear o senador Clésio Andrade (PR-MG) por sua história à frente de entidades do setor transportador e por sua carreira política. O evento, que ocorreu em Brasília, foi organizado por lideranças do setor, grandes transportadores e trabalhadores.
O senador, que preside a CNT desde 1994, foi recebido com festa durante o jantar de homenagem. “Ele começou como trocador de ônibus e hoje é um dos principais empreendedores de sua terra, desdobrando seus esforços empresariais e investimentos nas áreas de transporte, ensino superior e agronegócio. Sua atuação na CNT é marcada pela modernização e inserção dos transportadores nos grandes debates nacionais”, destacou o vice-presidente da Confederação Nacional do Transporte, Newton Gibson.

Durante o evento, Clésio Andrade relembrou junto com os amigos de profissão e confederados, sua história na CNT. “Trabalhamos juntos nos eixos social e institucional e priorizamos o fortalecimento da entidade, que se tornou uma respeitada fonte de pesquisas e projetos. Sempre tivemos em mente a importância do profissional, e investir nisso é importante para o Brasil”, declarou.

De acordo com o senador, a criação do Serviço Social do Transporte e do Serviço Nacional do Transporte foi um divisor de águas não só na sua carreira, mas na história da Confederação. “Entrei na presidência apoiado pela gestão anterior com o intuito de criar o Sest Senat. Precisamos, agora, voltar nossos esforços para investimentos na infraestrutura do país”, ressaltou.

“Como mineiro, tenho orgulho da atuação de Clésio Andrade como vice-governador do estado entre 2003 e 2006. Esse grande homem nunca mediu esforços para trabalhar pelo povo mineiro e agora, junto à base de apoio da presidente Dilma, vai lutar pelo desenvolvimento do país”, elogiou o diretor da CNTTT, José Célio de Alvarenga.



Redação CNT